Cão com medo dos Fogos: O que Fazer?

Cão com medo dos Fogos: É possível diminuir o desconforto do seu cãozinho?

hqdefault - Cão com medo dos Fogos: O que Fazer?

Cão com medo dos Fogos: Muitos cães têm medo de fogos, o que é totalmente compreensível, já que a audição deles é bem mais sensível que a nossa, e por isso eles sofrem com o barulho, alguns mais, alguns menos.

Várias pessoas buscam alternativas para diminuir o desconforto do pet neste período de festas. Infelizmente não podemos controlar os fogos que são usados no natal, virada de ano novo e festas em geral.

Para você entender o medo que o nosso cãozinho sente, precisamos falar de duas situações: a primeira situação, é que o medo é uma resposta natural, ele tem como função a sobrevivência, então o medo prepara o individuo para a fuga ou para a luta.

É algo instintivo de qualquer ser vivo. A segunda situação é de ordem fisiológica, o medo envolve várias partes do cérebro, e causa alterações substanciais no organismo do seu cão.

É importante saber desses dois pontos, para entender porque essa dica não vai eliminar o medo. O medo é algo natural e que foge do seu controle, foge do controle do seu animalzinho, é algo que ele sente instintivamente.

Mas o que você, como responsável pelo seu cãozinho, pode e deve fazer, é criar um ambiente de controle. Leia com bastante atenção essas dicas, e lembre de aplicar todas elas nas datas festivas, e sempre que precisar.

 Então vamos lá, o que você deve fazer? São 6 passos simples, mas super importantes:

O primeiro passo é garantir que o seu cão não vai fugir. Confira muito bem o lugar onde o seu cachorrinho vai estar na hora dos fogos. Veja se não tem buracos nas telas ou no chão, por onde ele possa escapar, e veja se as cercas e portões estão bem fechados.

Fugir nessas condições de medo seria extremamente perigoso, não deixe isso acontecer com o seu cãozinho.

Segundo passo: prepare um local tranquilo para ele ficar, que seja isolado do som, ou que pelo menos abafe um pouco o som. Pode ser um lavabo, a lavanderia ou seu quarto.

Terceiro passo: Prepare um esconderijo, uma toquinha com as coisinhas do seu cachorro. Coloque lá a caminha, os brinquedos, uma camiseta usada para que ele se sinta confortável com o seu cheiro, e água. Mostre para ele que as coisas dele estão lá.

Quarto passo: Separe um momento do dia pra fazer um exercício mais vigoroso com ele, pode ser um passeio, uma brincadeira mais intensa, jogos mentais ou outras atividades, isso vai ajudar no controle.

Quinto passo: Um pouco antes de começar os fogos, dê uma garrafa pet com alguns furinhos (adequada ao tamanho do seu cão) com guloseimas apetitosas dentro, para que seu cão se distraia enquanto estiver no esconderijo.

A sexta e última dica é super importante: se na hora você não conseguir deixar seu cão no esconderijo, e ele vier te procurar no momento de pânico, pode confortar ele, faça carinho, faça ele se sentir seguro.

Algumas pessoas acreditam que isso vai estar recompensando o medo… Mas isso é um mito! O importante é você tentar diminuir a angústia do seu cão companheiro o máximo que puder.

Siga todos esses passos pelo seu cãozinho, e com certeza ele vai ficar muito mais tranquilo com os fogos e, consequentemente, você também vai ficar mais tranquilo e aproveitar melhor as datas festivas!

Cão com medo dos Fogos
Cão com medo dos Fogos
Cão com medo dos Fogos: O que Fazer?
1 (20%) 1 vote