Alimentos contra a Gastrite: Quais são mais Saudáveis?

Alimentos contra a Gastrite: Quais são os melhores?

tratar gastrite naturalmente - Alimentos contra a Gastrite: Quais são mais Saudáveis?

Alimentos contra a Gastrite: Hoje vamos falar sobre 4 alimentos que podemos consumir para melhorar a gastrite ou a dor de estômago. Ela pode ou não vir junto com ardência, queimação na garganta, no esôfago, uma sensação de empanzinamento, de mal-estar.

Mas, normalmente, ela está relacionada mesmo a dor epigástrica, aquela dor em volta do estômago. Nessa área toda da parte de cima do nosso tronco, do nosso aparelho digestivo.

E normalmente ela pode ser causada por uma inflamação – uma das causas dela é uma inflamação – ou é uma infecção, muitas vezes pela H Pylori, que é um tipo de bactéria.

Alguns estudos falam que alguns tipos de H Pyloris podem ser até benéficos para a saúde, então, na verdade, para saber se o tipo de H Pylori que você tem e se ele é o que está causando a gastrite (que pode até evoluir para uma úlcera). Normalmente você tem que fazer um exame – se chama endoscopia digestiva alta – e, normalmente, ele é feito por um gastroenterologista.

Então, se você acha que está com gastrite, você precisa ir ao médico e fazer os exames, onde ele vai passar a medicação para você seguir…

Mas vamos te passar 4 alimentos que podem ajudar a melhorar o desconforto e evitar que você tenha mais crises, sinta mais dor de estômago.

Bom, na verdade não vamos falar especificamente de 4 alimentos, mas sim 4 grupos de alimentos que organizamos para você, visando mais opões de alimentos para melhorar sua dor de estômago.

A primeira dica, o mais clássico são alimentos com baixa acidez, como, por exemplo, café, bebida carbonatada – tipo refrigerante, água com gás, água tônica – bebidas alcoólicas… tudo que possa irritar a mucosa do estômago deve ser evitado.

Então, se você quer melhorar sua gastrite, pare de consumir esses alimentos, evite consumir esses alimentos.

 

 O primeiro grupo de alimentos que você deve consumir são alimentos ricos em fibras. As fibras ajudam a retardar o esvaziamento gástrico, fazem com que você fique com o estômago menos tempo vazio, o que vai ajudar a você não ficar com muita produção de ácido clorídrico, aquele ácido que nós produzimos no estômago, meio que machucando o estômago por mais tempo.

Então, os alimentos que são fontes em fibras: aveia, farelo de trigo, os grãos integrais, pão integral, arroz integral, macarrão integral, além de frutas, legumes e verduras de uma maneira em geral.

O segundo grupo são os alimentos com baixo teor de gordura. Na verdade, a gordura prejudica a digestão. Parece um pouco contrassenso falar de gordura depois de falar que a fibra ajuda porque diminui o esvaziamento gástrico, mas é porque, realmente, a digestão da gordura é muito mais lenta que a digestão da fibra.

E por isso, quando você come alimentos com muita gordura, você prejudica mais sua digestão e prejudica a própria questão de secreção de ácido e acidez no estômago.

Então, o ideal é que você procure alimentos com menos gordura. Carnes mais magras, evite frituras, evite coisas empanadas, pré-fritas, procura um peixe mais magro, um corte de carne mais magra – como patinho, um peito, filé mignon, uma alcatra, carnes que não tenham tanta gordura.

A carne de frango é uma ótima opção, enfim. Busque diminuir um pouco a gordura geral da sua alimentação.

Terceiro grupo: busque introduzir alimentos probióticos na sua alimentação. Porque eles vão conseguir colonizar o seu estômago, o seu intestino, com bactérias benéficas que vão fazer melhorar a flora intestinal e a flora estomacal também.

Melhorando até mesmo a proporção de H Pylori que você pode ter face a outras bactérias, benéficas. Conforme elas aumentam a produção, elas diminuem a quantidade de bactérias patogênicas (ruins) que nós temos, que faz mal para a saúde.

Bom, então, quais são os alimentos probióticos que podem te ajudar? Você pode partir pros leites fermentados, que são boas opções, o iogurte… Mas claro que o melhor deles é o kefir, que é o super completo.

O quarto grupo são os alimentos ricos em vitamina C. Apesar da vitamina C ser ácida e, para muitas pessoas, ter uma certa dificuldade em tolerar a vitamina C, isso acaba sendo muito particular, porque algumas pessoas que tem gastrite consomem vitamina C sem problemas.

E para essas pessoas que não tem um sintoma mais exacerbado – associado com o consumo de vitamina C – é muito importante consumir, porque vitamina C é uma vitamina que está diretamente ligada a melhora de cicatrização, produção de colágeno, conseguir melhorar a estrutura do estômago.

Então, se você puder, adicione fontes de vitamina C na sua alimentação. Então, quais são fontes seguras para você consumir vitamina C, mas em alimentos que não vão prejudicar tanto assim a questão da sensibilidade.

O mamão tem bastante vitamina C, a manga, o pimentão amarelo, o brócolis, enfim, são fontes interessantes de vitaminas C, mas não são alimentos tão ácidos, que podem te dar um desconforto gástrico.

O quinto grupo de alimentos na verdade é uma dica de um suco que você pode fazer para melhorar os sintomas da gastrite, que é um suco de batata crua.

Você vai fazer o seguinte: lave bem sua batatinha. Pegue um ralador – tipo um ralador de queijo – e rale a batata no ralo grosso.

Crua, ok? Bastante importante isso! Rale a batata e você vai ver que, conforme você vai ralando, a batata tem muita água na sua composição.

Então rale em cima de um prato ou uma vasilha, para você não perder essa água, que é muito importante. Aí depois que tiver com aquela batata toda ralada, você pega um pano de prato limpo, que você vai usar só para isso, ou compre um pano só para isso.

Para ficar bem claro, você vai beber isso. Pegue aquela batata e coe ela, amasse ela ali (coloque ela dentro do pano e use ele para coar o caldo). A batata com a água vai formar um caldo transparente, meio amarelado.

Esse caldo do suco de batata é super bom para melhorar os sintomas da dor de estômago. E você pode tomar tanto de manhã, em jejum, quanto nos momentos que você se sentir com mais azia, mais desconforto, mais dor de estômago mesmo.

Então, agora vamos falar algumas coisas que você tem que abolir da sua dieta.

Porque não adianta você consumir fibras, alimentos com pouca gordura, alimentos probióticos, beber o suco de batata e continuar comendo alimentos que vão te fazer mal.

Primeiro, o quê que te faz mal sempre? Bebida alcoólica irrita a mucosa do estômago, então suspende se você estiver em crise.

Bebida carbonatada, ou seja, com gás carbônico, ou seja, refrigerante, água tônica, qualquer coisa que tenha gás… água com gás mesmo, pode te prejudicar.

Menta, hortelã, pimenta, curry, todas essas especiarias muito condimentadas acabam machucando o estômago. Então, é bom você dar uma segurada e parar de consumir.

Além de alimentos gordurosos, né? Frituras, alimentos empanados, alimentos industrializados… tudo isso piora muito a sua dor de estômago.

Lembre-se, em caso de sintomas constantes de queimação e dor de estômago, procure um médico para que ele possa analisar seus sintomas e definir a melhor forma de tratamento. Sua saúde agradece!

Alimentos contra a Gastrite
Alimentos contra a Gastrite

Alimentos contra a Gastrite: Quais são mais Saudáveis?
5 (100%) 6 votes