Alimentos Anti-inflamatórios: O caminho da vida Saudável!

Alimentos Anti-inflamatórios: Como ter uma dieta balanceada e saudável com eles?

feat alimentos antiinflamatorios1 610x300 - Alimentos Anti-inflamatórios: O caminho da vida Saudável!

Afinal, o que são alimentos anti-inflamatórios? E de que forma eles podem ajudar na prevenção de diversas doenças? Vamos descobrir?

Pouca gente sabe mas uma alimentação inadequada pode desencadear processos inflamatórios em nosso corpo. Que são catalisadores de outros problemas de saúde ainda mais graves.

Alimentos altamente industrializados como os enlatados, congelados e principalmente os alimentos processados que levam em sua composição muitos conservantes estabilizadores, além de maus hábitos como dormir pouco, fumar ou mesmo ingerir muita bebida alcoólica.

Tudo isso gente pode provocar diversos danos ao nosso organismo, levando a elevados níveis de inflamação. Efeitos de inflamação crônica podem variar e desencadear desde doenças cardíacas até a demência, câncer e artrite.

Muitas das doenças auto-imunes como as doenças inflamatórias do intestino são ligadas a inflamação excessiva do corpo. Apesar dos graves problemas causados pela inflamação, a boa notícia é que é possível controlarmos esses quadros inflamatórios apenas adotando os bons hábitos de alimentação e comportamento.

Eles vão desde priorizar mais horas de sono, até abandonar o fumo e diminuir a ingestão do álcool, além de adotar a prática regular de atividades físicas.

Sim, eu sei, o post é sobre dicas de alimentos anti-inflamatórios. Mas sempre é bom reforçar que a prática regular de atividades físicas promove uma regulação hormonal no nosso organismo que é muito importante, o que acaba reduzindo os níveis de cortisol, que é um hormônio relacionado ao estresse.

Mas calma, você veio aqui pelos alimentos anti-inflamatórios. Então eu vou listar algumas opções de alimentos que podem fazer parte da sua dieta a partir de hoje! Para cuidar desse aspecto da sua saúde.

O primeiro deles é o brócolis: O brócolis é um alimento anti-inflamatório incrível! Graças a seus componentes sulforafanos, que ajudam o corpo a se livrar de compostos potencialmente carcinogênicos e aliviar a inflamação e o estresse oxidativo.

O brócolis também possui uma quantidade elevada de vitamina C, que é um outro agente anti-inflamatório muito potente que ajuda na redução dos níveis de inflamação em até 45% do nosso corpo.

 

Outra verdura que possui propriedades anti-inflamatórias é o repolho roxo: ele é riquíssimo em antocianinas, um agente anti-inflamatório.

Um alimento que muita gente adora e que possui propriedades anti-inflamatórias é o abacate: ele é rico em ácidos graxos poli-hidroxilados. Esses ácidos graxos poli-hidroxilados estão geralmente presentes em algas e outras plantas do oceano. E são extremamente raros em plantas terrestres. O que faz o abacate muito incomum a esse respeito.

Os DFP e fitoesteróis no abacate fornecem para nosso organismo inúmeros benefícios anti-inflamatórios. que ajudam a combater uma série de doenças. Particularmente, Os fitoesteróis do abacate impedem a síntese de prostaglandinas do tipo E2 que é pró-inflamatório pelo tecido conjuntivo.

Dessa forma, ele reduz a inflamação nas articulações de indivíduos que sofrem de artrite e de gota.

As nozes também possuem características anti-inflamatórias, porque elas contêm ácidos graxos ômega-3, fitonutrientes tais como taninos, ácidos fenólicos e também os flavonóides, quinonas e outros nutrientes anti-inflamatórios.

O consumo de nozes tem sido associado com a diminuição da inflamação nos vasos sanguíneos, principalmente naqueles em situação de risco com as doenças cardíacas.

Outro alimento muito interessante são os cranberrys, pois eles são uma boa opção também pois contêm fitonutrientes anti-inflamatórios importantes que ajudam na proteção do sistema cardiovascular e na prevenção do endurecimento das artérias.

Eles também ajudam a prevenir as doenças associadas a inflamação do trato urinário e as úlceras no estômago.

Ainda no campo das frutas, os mirtilos podem reduzir a inflamação e danos causados pelos radicais livres. Muitos estudos descobriram que mirtilos podem prevenir o estresse oxidativo e a inflamação.

Os benefícios dele acontecem porque ele possui substâncias que promovem a produção de citocinas anti-inflamatórias do organismo que nos deixam com níveis mais baixos de inflamação.

Um alimento muito comum também no Brasil é o mamão: ele é rico em papaína, uma enzima que ajuda a reduzir a inflamação no nosso corpo e também melhora a digestão, além disso o mamão tem poderosos antioxidantes como o beta-caroteno, a vitamina C e a vitamina E que combatem os radicais livres no nosso corpo.

Vale também citarmos uma raiz, a cúrcuma: graças ao ingrediente ativo, a curcumina, ela inibe a síntese e a atividade da COX-2 e da 5-LOX, que são duas importantes enzimas envolvidas na resposta inflamatória.

Ela é especialmente eficiente em pacientes com quadro de artrite e de gota, pois a curcumina também ajuda a bloquear vias inflamatórias e portanto ela impede que as proteínas desencadeiem a dor e inchaço.

Um alimento pouco consumido aqui no Brasil, mas que é excelente, é o aipo: ele possui um nutriente específico chamado “luteolina”, que é particularmente eficaz contra o câncer e a inflamação.

Esse composto encontra-se em quantidades menores nas pimentas, salsa, tomilho, no manjericão e também no hortelã.

É um bioflavonoide, que significa que ele tem o dobro das propriedades antioxidantes da vitamina C. Uma das principais vantagens de uma alimentação saudável com ingredientes naturais é justamente essa imensa diversidade de nutrientes e micronutrientes que fazem toda a diferença em nosso corpo.

Busque reduzir a quantidade de alimentos industrializados nos seus pratos. E sejam criativos para incluir esses e outros alimentos in-natura no seu dia-a-dia.

Alimentos Anti-inflamatórios
Alimentos Anti-inflamatórios

Alimentos Anti-inflamatórios: O caminho da vida Saudável!
Gostou do Post?